Kana Nishino é provavelmente a solista mais odiada pelo fãs internacionais de j-pop, e eu realmente nem julgo tanto esses haters, até porque a Kana subiu quando todas as grandes divas dos anos 2000 começaram a afundar, só lembrar que em 2010 a Kana superou as vendas de Utada, Koda, Ayumi e Namie, colocando todos os maiores nomes femininos do j-pop no bolso e até hoje os fãs de todas as citadas torcem para que a Utada venda mais que o to LOVE com o Fantôme apenas pelo recalque que guardam aí há sete anos. Pessoalmente acho que isso não mudará em nada a carreira de ninguém, uma vez que a Kana continua aí há 10 anos sendo a rainha das adolescentes, Namie a rainha das tias e Utada em seu retorno é a favorita acima de todas. As demais nem vou citar porque sabemos como elas estão, não é mesmo? Isso mesmo no nosso kokoro! Japonesque Divas decidiu selecionar as 30 melhores músicas da Kana Nishino pra ajudar ela a fazer a setlist do seu show! hahah ❤

30. Best Friend

605px-nishino_kanabest_friendreg

Best Friend é considerado o maior hit da Kana pelos japoneses e é provavelmente a única música dela que você vai encontrar em todas as turnês. A faixa é bem agradável, onde a cantora vai mostrar toda sua extensão vocal nela, desde graves interessantes até a agudos e falsetes de tirar o fôlego. O melhor dessa faixa é que ela não fala sobre amantes e namorados como a Kana ficou tão conhecida e sim sobre amizade, e é por isso que ela figura a lista das 30 melhores do Japonesque Divas.

29. Abracadabra

604px-nishino_kana_-_with_love_limAbracadabra é considerada pelos fãs da Kana sua música mais fraca e pelos haters sua melhor música em anos, e para mim que sou fã, mas não cego, “Abracadabra” é sim uma das melhores músicas que a Kana já lançou e se for olhar no histórico dela, foi um dos maiores riscos de sua carreira, já que “Esperanza” e “Abracadabra” fazem parte do leque de canções que a Kana ousa em sua produção saindo do Pop/R&B que ela ficou tão marcada. Fora que misturar elementos indianos com eletrônico foi uma tática genial, afinal enquanto nos anos 2000 os elementos indianos flertavam com o R&B (Koda e Namie), Kana trouxe isso para o eletrônico na década de 2010.

28. Kimi no Koe wo feat. VERBAL

nishino_kana_-_love_one_cddvdSe tem uma coisa que o J-pop não admite é não ter um featuring com o VERBAL mesmo sem ter feito nada. E esse é um exemplo “clássico“, a Kana estava começando a ficar conhecida no Japão lá em 2008-2009 e assim que seu primeiro álbum de estúdio já surgiu essa parceria com o VERBAL, colocando a jovem na sua lista de participações musicais com divas do j-pop. A faixa em si é ótima, ela é mais mid-tempo bem gostosa e é uma das melhores canções da época onde a Kana ainda estava começando a chamar atenção da mídia japonesa.

27. Suki

600px-nishino_kana_-_suki_lim

Suki foi um sopro de alívio para o with LOVE, pois mostrou a capacidade dela em conseguir fazer boas baladas para o Japão, ao ponto dessa faixar ser mais comprada do que a canção usada para promover o disco na época, “Koisuru Kimochi“. A canção tem um ar angelical seja por sua voz delicada que só a Kana consegue desempenhar pela técnica usada ou por seu arranjo que parece mesclar elementos da music box com orquestra dando uma atmosfera mágica e encantada.

26. Tookutemo feat. WISE

nishino_kana_-_tookutemoE vamos para a primeira faixa que fez com que Nishino fosse se tornar grande. “Tookutemo” tem duas versões uma versão do WISE com a Kana e vice-versa. O que há de mais importante aqui é que a música marcou o que seria a carreira da Kana, afinal até antes disso a Kana cantava canções pop bem j-pop que se assemelhavam a anime songs em certos momentos e aqui ela cai no mundo do Pop/R&B como uma cantora de balada. Sobre Tookutemo, ela é uma música é agradável, o defeito é ter uma duração tão longa, mas ainda sim vale ouvir.

25. Style.

nishino_kana_-_styleAinda em 2008 a Kana buscava visibilidade no mercado japonês e uma das formas clássicas de qualquer solista conseguir aumentar sua popularidade é se atrelando a anime songs e é o caso de “Style.“, que foi tema de SOUL EATER. Mas não é por isso que essa faixa chega aqui, ela é a melhor música da era mais underground da Kana além de ter uma coreografia maravilhosa com as mãozinhas que dá pra você fazer em qualquer lugar e se sentir uma princesinha moe kawaii.

24. GIRLS GIRLS

604px-kana_nishino_-_secret_collection_-green-_rgKana mostra como ser uma feminista kawaii falando sobre da união entre as mulheres, e você achando que a Kana era uma cantora genérica que sede ao machismo? Pois é, além de falar sobre amizade, estilo, ela fala sobre poder feminino sem perder toda sua fofura e kawaii appeal, coisa que sua favorita jamais vai conseguir! Além disso ela fez uma versão rockish urban kawaii para a música em seu show especial “Halloween Collection“, que esteve presente no “Secret Collection ~GREEN~“, única coisa boa que teve em lançar essa coletânea avulsa dela.

23. WRONG

605px-nishinokanatolovecddvdWRONG” é provavelmente uma das melhores faixas eletrônicas da Kana e é uma pena saber que alguém que sabe produzir canções uptempos tão boas assim seja conhecida por baladas, e o mais irônico de tudo é que a própria em entrevistas já falou que prefere canções mais agitadas. Mas fazer o que se a indústria conheceu a Kana como ballad diva, né? Tudo que podemos fazer é enaltecer esse lado eletrônico dela com “WRONG” onde ela fala pro boy que ele só faz coisas erradas e tem ela de um jeito errado.

22. ONLY ONE

604px-esperanza_regPior do que ser ignorada dentro do álbum é ser ignorada fora dele, como é o caso de “ONLY ONE“, a faixa esteve dentro do single mais ousado e bem produzido de toda a carreira da Kana, “Esperanza“. “ONLY ONE” é aquela faixa que já mostra ao que veio revelando parte do refrão logo de cara a faixa sabe te envolver e sabe exatamente como fazer com que você clique no replay incansavelmente. Destaque para o live onde a Kana realmente se esforçou para dançar o tempo inteiro com os dançarinos, épico.

21. Love you, Miss you

604px-alwayskanalimAqui temos mais uma eletrônica da Kana “Love you, Miss you” que fez parte do single “Always“, ela é bem romântica em sua composição e bem a cara do que a Kana realmente poderia colocar em um disco, mas que infelizmente não ocorre devido a estar atrelada a um single coletânea. Pensei em colocar o live da faixa, mas só tem um minuto, já que fez parte de um medley de canções eletrônicas, porque a Kana acha melhor socar 10 faixas eletrônicas em cinco minutos e cantar 20 baladas de 5 cinco minutos em seus shows, nunca irei entender. ❤

20. Moshimo Unmei no Hito ga Iru no Nara

605px-nishino_kana_-_moshimo_unmei_limEm sua aventura pelo j-country ou j-folk a Kana se inspira em musicais para criar provavelmente uma de suas melhores faixas dentro desse estilo que é “Moshimo Unmei no Hito ga Iru no Nara” a letra é bem tocante e fala sobre querer encontrar alguém que seja sua alma gêmea nesse mundo onde todos podem amar. As palmas te convidam para entrar nesse clima mágico e kawaii, acredite a faixa pode parecer inofensiva, mas ela é bem pegajosa e funciona totalmente.

19. Summer Girl feat. MINMI

605px-nishinokanatolovecddvdE o prêmio de melhor participação musical da Kana vai para “Summer Girl“, essa música é realmente perfeita, e é provavelmente uma das melhores canções inéditas do “to LOVE” que marcou a história do J-pop sendo o único álbum até então a passar das 700 mil cópias nessa década (Utada tá chegando perto). A MINMI dentro dessa faixa surpreende, pois aqui a Kana já estava em seu auge e saber que ela teve a humildade de se atrelar ao nome que é menos popular que o seu e chama-lo para sua tour realmente mostra que tipo de pessoa ela é. Simpática e fofa de verdade. ❤

18. Clap!! Clap!!

605px-thank_you_lovecddvdE vamos para “Clap!! Clap!!“, bom, a música é uma das faixas mais marcantes da Kana porque ela deu origem para “GO FOR IT!!” e “Believe” ambas as faixas lançadas após o estouro de popularidade que foi “Clap!! Clap!!” entre os fãs, afinal é uma faixa que explode uma fofura única e é totalmente pegajosa e animada o que a Kana precisava para tirar sua carreira do eixo de ballad songs que ela estava vindo. O que é mais gostoso de ver nesse live é a animação da Kana, ela realmente tem uma presença de palco incrível mesmo soando doce e meiga.

17. Come On Yes Yes Oh Yeah!!

605px-nishinokanatolovecddvdCome On Yes Yes Oh Yeah!! faz parte do requintado leque de faixas ousadas da Kana, sendo uma rap kawaii com um inglês melhor do que o da sua favorita, onde você consegue compreender mais da metade do que ela esta falando da música, afinal a garota fez faculdade disso né. Enfim, Kana trás uma mistura de hip-hop com eletrônica criando aí uma de suas faixas mais marcantes e peculiares em sua discografia. “Come On Yes Yes Oh Yeah!!” foi cantada em bastante festivais da Kana e tours para seus fã clubes, acredito que retorne na Dome Tour de 2017.

16. Dear…

nishino_kanadearmaybeAté hoje não sabemos se “Dear…” foi mesmo um single de natal ou uma canção romântica da Kana, mas de qualquer maneira é uma faixa bem agradável e trás a época em que ela lançava baladas com produções diferentes uma da outra até conseguir fechar sua sequência para vir o “to LOVE“. O que acho engraçado é que a Kana tem tanto hits e temos tão poucos lives, ela se sente muito bem cantando uma ou duas canções velhas e só cantando as canções do seu álbum atual, não sei o porquê ela faz isso, mas enfim. Kana sendo Kana.

15. Darling

605px-nishino_kana_-_darling_regKana parecia não se reinventar lá em 2013 pra 2014 tudo parecia uma b-side escondida que foi lançada apenas para manter seu nome em circulação, até que finalmente vem o lançamento de “Darling” que soava refrescante, algo que fez sua carreira reanimar e os japoneses olharem para ela descobrindo esse novo estilo pop que ela estava fazendo no seu país. A música é pegajosa, doce, leve e uma das melhores produções de sua carreira. E por um milagre a Kana tem cantando Darling por três turnês, algo que é sem precedentes em sua carreira, exceto por Best Friend.

14. FANTASY

605px-love_placeregFantasy é uma faixa tão incrível que foi até reciclada pela Kana duas vezes em “LIGHTS, CAMERA, ACTION!” e “I Wanna See You Dance” ambas são filhas de “FANTASY” que deu início a esse clima mais burlesco, a faixa é perfeita e sabe exatamente como criar uma atmosfera agradável e mágica, além de ter uma das melhores performances que a Kana já fez em uma turnê. Não que as turnês da Kana sejam ruins, pelo contrário acho que ela sabe investir na medida certa sem fazer as performances soarem cansativas por uma chuva de efeitos desnecessários, tudo é no ponto certo. ❤

13. Tateo Donna Ni…

604px-tatoeregDe volta as baladas temos “Tateo Donna Ni…” que é possivelmente uma das melhores baladas depressivas da Kana. Ela figura também a lista das canções mais populares que a princesa do j-pop já lançou em toda sua carreira, e é um dos poucos singles que conseguiram vender bastante nos físicos, além de bater tripla platina nos digitais. A faixa é poderosa e emocionante, tendo um dos refrões mas marcantes da Kana, uma pena que uma canção tão bem produzida e popular só ficou presente em três turnês da Kana, sendo que uma delas foi uma tour de aniversário.

12. Aitakute Aitakute

604px-aitakuteaitakutecoverAitakute Aitakute fez parte da sequência de singles onde a Kana vendeu em média 100 mil cópias na Oricon, tornando ela uma das solistas mais rentáveis nos meios físicos na época de 2010-2011. Enquanto isso nos meios digitais a faixa bateu 2 milhões de cópias sendo aí um dos seus maiores hits lançados até hoje. A música fala sobre sentir falta do seu amado e tem um teor mais dramático, seja pela interpretação da cantora que soa quase como uma súplica ou por seu arranjo que cria toda uma atmosfera mais melancólica.

11. SAKURA, i love you?

604px-kana_nishino_-_sakura_i_love_you_cddvdSe teve uma época onde Kana buscou lançar singles que realmente surpreenderam o público foi em 2012, em que todos os singles do Love Place tiveram produções bem distintas um do outros. E no meio desses lançamentos tão surpreendentes tivemos “SAKURA, i love you?“, que é uma mid-tempo R&B com uma produção que sabe se encaixar perfeitamente na personalidade da Nishino. O melhor é o “i love you” estilizado que deixa grande parte das pessoas agoniadas, e isso dá todo o charme da canção. ❤

10. GO FOR IT!!

go_for_itregAinda dentro do Love Place tivemos “GO FOR IT!!” que conseguiu vir posteriormente à “Clap!! Clap!!” e soar melhor do que a sua faixa-mãe. Após ousar no Thank You, Love com singles como Esperanza, estava na hora de apostar em algo mais óbvio, que fosse kawaii e não arriscado e que servisse para que a Kana lançasse uma faixa uptempo que combinasse com sua imagem enquanto artista e foi aí que “GO FOR IT!!” se tornou possivelmente uma das canções mais adoradas pelos seus fãs, trazendo todo o conceito de líder de torcida para época, qualquer semelhança entre GO FOR IT!! e Give Me All Your Luvin’ da Madonna é mera coincidência.

9. Kono Mama De

605px-nishinokanatolovecddvdDeixando muitos fãs irritados ou não, “Kono Mama De” supera boa parte de suas baladas pelo simples fato de não precisar de cinco minutos para que ela possa te emocionar e cativar de fato, a canção é tocante na medida certa e não enrola para se desenvolver e te fazer sentir apaixonado. É a faixa aleatória de disco mais popular da Kana tendo em vista que vendeu 250 mil cópias nos meios digitais tendo apenas dois registros ao vivo, sendo um deles em uma tour de 2015.

8. Kimi tte

605px-kimittecoverKimi tte” é a faixa mais encantadora das baladas da Nishino, ela trás um piano bem arranjado, um refrão delicado que vai crescendo aos poucos, além de um middle-8 onde ela explora toda sua região vocal arrepiando você com uma interpretação bem pessoal. Uma pena que o Japão só goste de baladas que parecem durar horas, e a Kana tenha de fazer canções de cinco minutos, sendo que poderia muito bem ter metade disso e funcionar tão bem quanto. Outra curiosidade é que “Kimi tte” fez parte dos singles que conseguiram bater 100 mil cópias físicos e quase 2 milhões de cópias em downloads legais.

7. Story

605px-kana_nishino_believe_cdplusdvd_coverStory” é provavelmente uma das faixas mais injustiçadas da Kana, ser reduzida apenas à uma bside que nunca será cantada por ela enquanto temos “Koisuru Kimochi” que é uma versão bem meia boca do que a original realmente pode nos oferecer. “Story” é a melhor mid-tempo da Kana desde “Motto…” com uma produção ousada e anos 2000, mas conseguindo soar atual, lançando algo que a Ariana Grande adorava lançar antes mesmo dela se quer aparecer ao público. Enfim, é por isso que essa bside figura o Top10. ❤

 

6. Watashitachi

604px-watashitachifirstE chegamos na melhor balada da Kana, “Watashitachi“, a faixa é maravilhosa, tem um refrão doce com vocais bem melosos e com técnicas que são bem típicas da cantora em suas músicas, além de apresentar momentos da canção que fazem você engolir o fato dessa música ter quase seis minutos. “Watashitachi” fez parte dos singles do Love Place onde a cantora ofereceu sua maior variedade de produções, sabendo surpreender ou explorar áreas diferentes do segmento pop.

5. Distance

605px-kananishinodistancefpE vamos para “Distance” um dos singles do Thank You, Love. A canção é uma mid-tempo que vai flertar com um pouco do eletrônico e do pop, caindo de uma maneira tão agradável dentro da voz da Kana que faz com que esse seja um dos seus singles mais populares entre os fãs internacionais. E é provavelmente a faixa onde a Kana mais utiliza a região grave da sua voz, o que faz com que sua voz soe mais redonda e bem colocada do que as demais onde ela foca mais em agudos.

4. No.1

604px-kana_nishino_-_secret_collection_-green-_rgDepois de “Torisetsu” ninguém sabia de fato se a Kana seria capaz de lançar faixas marcantes como na sua época de outro e então surge “No.1” que foi provavelmente a melhor música de R&B que ela lançou desde “Motto…“. E o mais raro: Era um faixa R&B uptempo coisa que até então a Kana não se preocupava em fazer, sendo então um ponto novo em sua carreira que deu extremamente certo pelo seu refrão pegajoso e viciante. O clipe é um dos melhores de sua carreira e enquanto sua favorita se mata de dançar, Kana se preocupa apenas em fazer dois pra lá e dois prá cá enquanto os dançarinos parecem se acabar enquanto sorriem se perguntando pra quê estão fazendo a coreografia se vão focar na cara da princesinha kawaii hahahah ❤

3. Kimi ni Aitaku Naru Kara

600px-nishino_kana_-_kimi_ni_aitakunaru_karaBom, vamos falar de “Kimi ni Aitaku Naru Kara” que foi o primeiro GRANDE hit da Kana. A faixa chegou a bater um milhão de downloads em uma época onde poucas artistas chegavam nesse ponto e ela se tornou a maior febre fazendo com que um disco que debutou com apenas 34 mil cópias batesse quase 250 mil cópias, coisa que provavelmente sua favorita jamais irá fazer. “Kimi ni Aitaku Naru Kara” foi o single onde a Kana teve de provar que poderia superar “Tookutemo” e o fez caindo no gosto das adolescentes japonesas ao ponto de marcar como uma das canções mais cantadas em karaokês daquele ano.

2. Esperanza

604px-esperanza_regESPERANZA NÃO É A MELHOR MÚSICA DA KANA? COMO ASSIM?” Eu até acharia “Esperanza” (chegou um momento enquanto fui fã dela que achei inclusive), porém essa faixa representa o lado ousado da Kana quando ela se preocupou em surpreender o mercado japonês e não o que ela em si representa para quem curte mesmo as músicas dela. “Esperanza” tem uma produção que vai flertar com a música flamenca de maneira tão esplendida que eu me arrisco a dizer que essa é uma das melhores músicas que foram lançadas de 2010 até hoje, não é a melhor, mas isso aqui é sem dúvidas um ponto fora da curva inclusive no jpop, não por ser um instrumental espanhol, mas por ser uma canção UPTEMPO para uma cantora que só lançava singles de BALADA, e não satisfeita com isso ela coloca o nome em espanhol e um instrumental inspirado na música tradicional da Espanha. Em um resumão, foi um série de ousadias que fizeram com que o Japan Record Award indicasse a Kana pela primeira vez mesmo ela já estando estourando nas paradas desde 2008, ou seja, somente a partir de “Esperanza” a crítica japonesa considerou que Kana poderia oferecer muito mais ao j-pop.

1. Motto…

603px-nishino_kanamottoE a melhor faixa da Kana é “Motto…” e isso é mais que óbvio pela seguinte razão: A Kana começa a faixa de uma forma tão simples e delicada que você pensa que ela irá cantar mais uma balada clichê até que você é arremessando para um mid-tempo cheio de batidas pegajosas, além de ter aí uns efeitos bem de DJ mexendo em um disco sempre que faz essa transição entre a balada e o mid-tempo, sendo uma faixa totalmente diferente dentro do que muitos atos japoneses oferecem, saindo da zona genérica de baladas e mostrando como se pode fazer uma balada soar inovadora, refrescante e pegajosa.

Anúncios

3 comentários em “JAPONESQUE JUKEBOX: As 30 Melhores Músicas da Kana Nishino

  1. Eu não odeio a Kana pq ela tá vendendo mais que as minhas faves (até pq não me importo com vendas, desde que isso não prejudique as carreiras delas de alguma forma). Eu não suporto a Kana (hj em dia) simplesmente pq do final de 2012 pra cá (mais especificamente a partir de Always), ela virou uma versão nipônica da Taylor Swift (e pra mim isso é fim de carreira pra qualquer uma). Apesar de terem músicas que salvam o With Love e o Just LOVE (uma em cada um, pra ser mais exato), ela tá muito no piloto automático.
    Mas é o que temos pra hj, né? E ela não vai mudar isso tão cedo, afinal ela é uma das Boss Bitches do J-Pop atualmente.

    Btw, minhas favoritas dela são Esperanza (óbvio), Abracadabra, GO FOR IT!!, Distance, Watashitachi, Sakura, I Love You, Aitakute Aitakute, Style. (afinal foi onde conheci ela), NO.1 e a esquecidíssima I.

    Curtido por 2 pessoas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s